Prêmio Gestor Público Paraná define projetos premiados

O Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR) definiu os 52 projetos que serão premiados no dia 12 de novembro, durante solenidade na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP). Com apoio do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU/PR), a 7ª edição estabeleceu como tema do ano o “Urbanismo: Planejar o município é melhorar a vida”, analisando a capacidade de planejamento e execução de ações que desenvolvam as áreas rural e urbana dos municípios. Projetos de todas as áreas da gestão pública foram inscritos e serão coroados em outras categorias.

Nesta edição, o PGP-PR conquistou uma marca importante: 20% de todos os municípios do Paraná cadastraram suas iniciativas na premiação, batendo recordes de projetos e de municípios inscritos. Foram 200 projetos homologados de 79 municípios do Estado. Todas as iniciativas inscritas estão anexadas no Banco de Projetos do site do Prêmio, garantindo que os projetos implementados possam servir de inspiração para administradores públicos de todo o país. Assim, os gestores podem entender o funcionamento e plano orçamentário de cada iniciativa, podendo implementá-las em qualquer lugar.

“Este ano, especificamente, nós tivemos mais de 200 projetos inscritos e a qualidade melhorou muito. A dificuldade que teve a Comissão Julgadora para escolher os premiados foi muito grande, o que demonstra que devagar as coisas estão melhorando na administração pública municipal paranaense, porque eles estão conseguindo fazer projetos melhores, com resultados efetivos e com muito benefício para as suas comunidades”, assegura o Coordenador-geral do Prêmio, Laerzio Chiesorin Junior.

O Prêmio Gestor Público Paraná é consolidado como uma das premiações mais importantes desse segmento no Brasil, garantindo o devido reconhecimento dos projetos bem aplicados. De 2013 a 2018, já haviam sido inscritos mais de 700 projetos, dos quais 180 já foram premiados. Em época de alta cobrança por eficiência no setor público, o Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita do Estado do Paraná (Sindafep) promove a premiação como uma maneira de coroar o trabalho realizado pelos bons gestores públicos e também como uma forma de incentivo para que novas iniciativas sejam construídas e aplicadas nos municípios do nosso Estado.

Solenidade na Alep

Confira os municípios que serão premiados na solenidade: Altamira do Paraná, Alto Paraná, Apucarana, Araucária, Bituruna, Braganey, Cafelândia, Campo Mourão, Carambeí, Cascavel, Colombo, Cruz Machado, Cruzeiro do Oeste, Curitiba, Fazenda Rio Grande, Guaíra, Guaratuba, Iretama, Ivaiporã, Lapa, Londrina, Mandaguari, Mandirituba, Maringá, Matinhos, Mato Rico, Nova Esperança, Novas Tebas, Paranavaí, Pérola, Piraquara, Ponta Grossa, Quarto Centenário, Quatro Barras, Santa Mariana, Santa Terezinha de Itaipu, Santana do Itararé, Toledo, Três Barras do Paraná, Ubiratã e União da Vitória.

Realização e apoios

O Prêmio Gestor Público Paraná é uma realização do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita do Estado do Paraná (Sindafep) com participação especial da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) e do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR). Patrocinado pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), pela Fundação de Apoio da Universidade Federal do Paraná (Funpar) e pela UNIFM, o Prêmio conta com os apoios do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU/PR), Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (Aerp); Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar); Conselho Regional de Economia do Paraná (Corecon PR); Conselho Regional de Administração do Paraná (CRA-PR); Departamento de Trânsito do Paraná (Detran/PR); Ordem dos Advogados do Brasil — Paraná (OAB/PR); Secretaria da Fazenda (SEFA); Programa de Pós-graduação em Planejamento e Governança Pública (PGP); Receita Estadual e Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Tributária do Estado do Rio Grande do Sul (Sindifisco-RS).

0
Seja o primeiro a comentar!
Escreva aqui seu comentário...