Coletivo Diálogos Suburbanos debate Cultura e Resistência dia 29

O coletivo Diálogos Suburbanos discute no sábado, 29 de junho, às 14h, o tema Cultura e Resistência. O debate acontece no Palácio 450 (Rua Carolina Machado, 920. Próximo à Estação Oswaldo Cruz) e faz parte de uma série de debates sobre a história, paisagem cultural e  valorização dos subúrbios cariocas. 

O encontro de sábado terá a participação de Luiz Antonio Simas, pesquisador e cronista sobre temas da cidade, autor do Almanaque Brasilidades e um dos articuladores do projeto “Ágoras Cariocas”; e Marquinhos de Oswaldo Cruz, cantor e compositor, responsável pelo Trem do Samba e pela Feira de Yabás. A mediação é do professor e historiador Rafael Mattoso.

O coletivo Diálogos Suburbanos reúne pesquisadores que têm se debruçado sobre a história urbana dos subúrbios cariocas, através de temas como os usos da moradia, os espaços de sociabilidade e resistência cultural. O objetivo é, a partir de estudos, debates e reflexões, construir uma visão multidisciplinar da região conhecida como Zona Norte, com o objetivo de contrapor a lógica depreciativa que foi sendo incorporada à sociedade através da escassez de políticas públicas na área.

Os encontros são gratuitos e dirigidos a um público amplo de pesquisadores, artistas, ativistas, professores, estudantes, jornalistas, curiosos e interessados em geral. O ciclo de debates é uma realização do Instituto – Projetos e Pesquisa, com patrocínio cultural do CAU/RJ, apoio do Madureira Shopping, em parceria com o Instituto Pereira Passos e o Programa de Pós-graduação em Urbanismo (Prourb) da UFRJ.

Confira, na programação abaixo, os próximos encontros:

0
Seja o primeiro a comentar!
Escreva aqui seu comentário...